Continua após a publicidade..
Culinária InternacionalReceitas Saudáveis

Hummus: 3 Maneiras de Preparar essa Delícia

O hummus é uma pasta de grão-de-bico com origem na culinária árabe, que pode ser consumida como entrada, acompanhamento ou prato principal. É uma opção saudável, saborosa e versátil, que pode ser combinada com diversos ingredientes e temperos. Neste artigo, vamos ensinar três maneiras de preparar essa delícia, além de contar um pouco da sua história e sugerir alguns acompanhamentos. Vamos lá?

Continua após a publicidade..

O que é hummus?

O hummus é uma palavra árabe que significa “grão-de-bico” e o nome completo do prato é hummus bi tahina, que significa “grão-de-bico com tahine”. O tahine é uma pasta de gergelim, que confere um sabor característico desta delícia. Além desses dois ingredientes principais, ele leva também suco de limão, alho, azeite, sal e especiarias como cominho, páprica e sumagre.

É um alimento rico em proteínas, fibras, ferro, cálcio e antioxidantes. Ele ajuda a regular o trânsito intestinal, a controlar o colesterol e a prevenir a anemia. Além disso, é uma ótima fonte de energia e saciedade, podendo substituir outros alimentos mais calóricos e gordurosos.

Como preparar?

Existem diversas receitas, mas a base é sempre a mesma: grão-de-bico cozido e tahine. Você pode usar grão-de-bico seco ou em lata, mas se optar pelo seco, lembre-se de deixá-lo de molho por pelo menos 8 horas antes de cozinhar. Depois de cozido, escorra o grão-de-bico e reserve um pouco da água do cozimento. Em seguida, bata o grão-de-bico no liquidificador ou no processador com o tahine, o suco de limão, o alho, o azeite e os temperos que preferir. Se necessário, adicione um pouco da água do cozimento para ajustar a consistência. Ele deve ficar cremoso e homogêneo.

Agora que você já sabe como fazer o básico, vamos ver três variações que você pode experimentar:

  • Hummus de beterraba: para dar um toque de cor e sabor ao seu hummus, basta adicionar uma beterraba assada ou cozida ao liquidificador junto com os demais ingredientes. A beterraba vai deixar o hummus com uma tonalidade rosa vibrante e um sabor levemente adocicado. Você pode decorar o seu hummus com raspas de limão e sementes de gergelim.
  • Hummus de pimentão: outra forma de incrementar o seu hummus é usar pimentões assados ou grelhados. Você pode usar pimentões vermelhos, amarelos ou verdes, ou uma combinação deles. Basta retirar as sementes e as peles dos pimentões e bater com os outros ingredientes no liquidificador. O pimentão vai dar um sabor defumado e picante ao seu hummus. Você pode polvilhar páprica doce ou picante por cima para realçar o sabor.
  • Hummus de abacate: se você gosta de guacamole, vai adorar essa versão de hummus com abacate. Basta substituir o tahine pelo abacate maduro e bater com os outros ingredientes no liquidificador. O abacate vai deixar o seu hummus mais cremoso e nutritivo, além de conferir um sabor suave e refrescante. Você pode salpicar coentro picado e pimenta-do-reino moída na hora para finalizar.

A história

É um prato milenar, que tem origem na região do Oriente Médio. Não se sabe ao certo quando ele surgiu, mas há registros de receitas semelhantes ao hummus em livros de culinária do Cairo no século XIII. O grão-de-bico era um alimento muito consumido na região, pois era barato, nutritivo e fácil de cultivar. O tahine também era um ingrediente comum na cozinha árabe, assim como o limão, o alho e as especiarias.

Continua após a publicidade..

Ele se espalhou por diversos países do Oriente Médio, como Líbano, Síria, Turquia, Israel, Palestina, Jordânia e Egito, e cada um deles desenvolveu sua própria forma de preparar e servir o prato. Ele se tornou um símbolo da cultura e da identidade desses povos, e até hoje é motivo de disputa e orgulho entre eles.

O hummus também ganhou popularidade no Ocidente, principalmente nos Estados Unidos e na Europa, onde é apreciado como uma opção saudável, vegetariana e saborosa. Ele pode ser encontrado em diversos supermercados, restaurantes e lanchonetes, e também pode ser feito em casa com facilidade.

Continua após a publicidade..

Acompanhamentos

Pode ser servido de diversas formas, mas os acompanhamentos mais tradicionais são o pão sírio ou pita, que é um pão achatado e macio, que pode ser cortado em triângulos e torrado ou aquecido na frigideira. O pão sírio pode ser usado para mergulhar no hummus ou para fazer sanduíches recheados com o hummus e outros ingredientes.

Outros acompanhamentos que combinam bem com o hummus são os vegetais crus ou cozidos, como cenoura, pepino, aipo, tomate, brócolis, couve-flor e rabanete. Eles podem ser cortados em palitos ou rodelas e servidos como petiscos ou saladas. Os vegetais fornecem crocância, frescor e vitaminas ao prato.

Além disso, o hummus pode acompanhar carnes grelhadas ou assadas, como frango, carneiro ou kafta, que é um espetinho de carne moída temperada. O hummus ajuda a umedecer e a dar sabor à carne, além de equilibrar o teor de gordura. O hummus também pode ser usado como molho para massas ou arroz, dando um toque cremoso e diferente ao prato.

Conclusão

O hummus é uma pasta de grão-de-bico com origem na culinária árabe, que pode ser preparada de diversas formas e sabores. É uma opção saudável, saborosa e versátil, que pode ser consumida como entrada, acompanhamento ou prato principal. Neste artigo, ensinamos três maneiras de fazer hummus: com beterraba, com pimentão e com abacate. Além disso, contamos um pouco da história do hummus e sugerimos alguns acompanhamentos para ele.

É um prato milenar, que tem origem na região do Oriente Médio. Ele é um símbolo da cultura e da identidade dos povos que o consomem, e também uma forma de aproximar as pessoas de diferentes origens e religiões. É um alimento que promove a paz, a harmonia e a diversidade.

É também um alimento que se adapta aos diferentes gostos e necessidades dos consumidores. Ele pode ser feito com ingredientes locais, sazonais e orgânicos, respeitando o meio ambiente e a saúde. Ele pode ser consumido por pessoas com restrições alimentares, como veganos, vegetarianos, celíacos e intolerantes à lactose. Ele pode ser personalizado com os temperos e os sabores que mais agradam ao paladar de cada um.

Esperamos que você tenha gostado deste artigo e que se anime a experimentar essas receitas em casa. O hummus é uma delícia que agrada a todos os paladares e que pode ser adaptada ao seu gosto. Se você gostou deste artigo, compartilhe com seus amigos e deixe sua opinião sincera e sugestões nos comentários. Até a próxima!

One thought on “Hummus: 3 Maneiras de Preparar essa Delícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *